Pavilhão de Portugal

Parque das Nações

Pavilhão de Portugal
O Pavilhão de Portugal da Expo´98 está localizado junto ao canto noroeste do Molhe dos Olivais.

A faixa entre o edifício e a margem está coberta por uma varanda apoiada em esbeltos pilares e forma um enorme alpendre lateral colado à fachada oriental.

Esta construção, realizada em betão armado, não tinha um uso determinado depois do evento, pelo que exigia uma grande flexibilidade e versatilidade do espaço, enquanto a sua função representativa requeria uma imagem clara e poderosa.

O edifício, que se desenvolve segundo um eixo norte-sul, consta de dois corpos separados por uma junta construtiva.

O primeiro é, na realidade, uma grande praça cerimonial flanqueada a norte e a sul por dois grandes pórticos, revestidos de azulejos de diversas cores, entre os quais se estende uma lâmina de betão muito fina que descreve uma curva, como uma lona gigantesca.

O segundo corpo consiste num edifício de planta rectangular com cave e dois pisos.

Estes três andares desenvolvem-se em torno de um pátio cheio de terra até ao nível do solo, para permitir a plantação de árvores.

De um canto do edifício sobressai um corpo complementar, de dois pisos, separado da construção principal por uma galeria.

Arquitecto: Álvaro Siza Vieira.

Citado de Atlas de Arquitectura Actual, de Francisco Asensio Cerver (Konemann Verlagsgesellschaft, Colónia)

Ofertas especiales

Encuentre aquí su hotel

Destino

Check-in

Check-out

 © 1997-2024 Guia de Viagens Portugal Travel & Hotels Guide | Términos legales | Contacto